Day trade é algo difícil, não impossível. Dá dinheiro sim, e muito. Mas deve ser encarado como qualquer profissão de alto nível, requer dedicação, determinação e superação, porque você precisa aprender a perder e continuar em frente.

Meu texto de ontem não foi para assustar os novatos e expulsá-los do mercado. Foi para alertá-los de que não é fácil. No texto de hoje vou fazer o contrário: falar sobre como se deve começar no day trade em minha opinião.

Eu sugiro que faça day trade de ações. Minicontratos futuros de índice e de dólar são muito voláteis, e com isso, as tendências não são formadas como encontramos nos livros. Você será pego de surpresa em inúmeras vezes.

Aliás, essa é a primeira coisa que você deve ter em mente. Os trades de livro são raros. Eu mesmo sou professor de trading e sei que nós escolhemos as situações ideais em nossas aulas.

Fazemos isso para que o aluno, principalmente o iniciante, aprenda o que é certo. Depois de se aprimorar e dominar o trade, o feeling vai sendo construído e é possível abrir mão de certos detalhes em suas operações.

Mas, no começo é necessário buscar somente os trades de livro. Do contrário, você não vai saber se a sua leitura foi correta, porque abriu mão de determinados parâmetros, e não vai conseguir construir um trade system eficiente.

Primeiro você segue estritamente as regras das operações. Não fica o tempo todo caçando oportunidades, mas espera que elas apareçam de forma clara e inequívoca. Assim, vai acertando e aumentando sua autoconfiança, além dos lucros.

A partir daí, com lucro no bolso e com experiência de já ter identificado oportunidades e operado com eficácia, você vai encontrar pontos onde não há exatidão nas informações, mas é possível operar.

Escolha os papéis com maior liquidez. Pegue os 10, no máximo 20 papéis que compõem o índice Ibovespa com maiores negociações no dia. Olhe somente para eles e só opere quando ocorrer os padrões gráficos no contexto da tendência.

O day trader de ações é muito mais rico e feliz que o de futuros.

Renan Antunes